Vitamina D – por que a dosagem é essencial em nosso tratamento?

0

A vitamina D funciona como um hormônio regulador em nosso cérebro. Estudos mais recentes mostram uma influência direta da mesma sobre a produção e a liberação da serotonina.

É a serotonina um dos principais neurotransmissores que influenciam em nossa função executiva, em nosso humor e em nosso comportamento social. Ou seja, a deficiência da vitamina D vai intensificar toda doença mental, e sua reposição torna todo tratamento mais viável e consistente.

Além disso, tem se visto cada vez mais uma ligação desta vitamina com a prevenção de doenças cardiovasculares, obesidade e diabetes – ela parece ser um dos fatores na complexa teia etiológica destas. E para que o cérebro funcione bem, precisamos de uma boa qualidade do fluxo sanguíneo, o que sofre influência destas condições.

Atualmente temos níveis epidêmicos de deficiência de vitamina D em todo o mundo – temos feito mais atividades em ambientes fechados, mesmo atividades físicas, e evitado o sol para a prevenção de câncer de pele, sendo necessária a dosagem da mesma em nosso sangue de forma rotineira para que a reposição adequada seja feita.

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25713056

Compartilhar

Sobre a Autora

Dra. Lygia Merini

Médica Psiquiatra pela Universidade Estadual de São Paulo (UNESP), especialista em Psiquiatria e membro da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Atualmente atua apenas em seu consultório particular. Anteriormente atuou como preceptora no Ambulatório de Dependência Química da Unidade de Álcool e Drogas (UNIAD) e também como preceptora no Ambulatório de Saúde Mental da Mulher, ambos vinculados à Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

Além disto, é especialista em dependência química pela UNIFESP e concluiu curso em Pesquisa Clínica (Principles and Practice of Clinical Research) pela Universidade de Harvard (Harvard Medical School – EUA).

Deixe um comentário